Paris – Roteiro de 4 dias – Dia 02

Viagens

Imprimir Versão Pdf

Com os pés muito doloridos após o primeiro dia de muita andança em Paris, começamos o segundo dia já com um tempo feio…

A previsão era para frio e garoa… e a previsão estava certa!

Mas como tínhamos nossa programação e muita vontade de perambular pela cidade, pulamos da cama, pegamos nossas sombrinhas e botamos os pés na rua!Paris dia 02

Como ficamos em Airbnb tomamos café da manhã na rua e foi a melhor coisa que poderíamos ter feito! Tinha uma uma boulangerie MA-RA-VI-LHO-SA no caminho do apartamento até o metro (1 quadra). Absolutamente tudo que provamos lá era MUITO BOM! Paramos ali todo santo dia pra garantir nosso café da manhã e ainda levar um lanchinho pro dia!

Descobri hoje que tem mais 14 delas em Paris e uma em Toquio: Maison Landemaine!

E a dica não é necessariamente que você vá nessa boulangerie, muito pelo contrário, mas é que você encontre alguma no seu caminho e aproveite cada novo sabor!

Seguimos para o metrô e de lá direto ao primeiro ponto turístico do dia: Catedral de Notre Dame!

Chegamos relativamente cedo e a fila estava pequena. A entrada na catedral é gratuita, só é preciso pagar pra subir nas torres da catedral (passeio incluído no Paris Museum Pass). Enquanto estiver na fila aproveite para olhar todos os detalhes da arquitetura, e são inúmeros os detalhes.IMG_5888Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo1

Dentro da Notre Dame os vitrais são enormes e uma curiosidade é que a catedral guarda uma das relíquias mais importantes da Igreja Católica: os fragmentos da Coroa de espinhos com a qual Cristo foi coroado pelos soldados romanos.  Li que ela é pode ser vista pelos fiéis na primeira sexta-feira de cada mês às 15 horas e na sexta-feira santa das 10h às 17h.

Após a visita no interior da catedral fomos na outra fila que fica na lateral, para subir nas torres. Tinha esfriado bastante e começou a garoar, só subiam poucas pessoas cada vez, porque lá em cima o espaço é limitado. Foi sofrido, mas eu achei que valeu a pena (mais escadas em caracol) e chegamos lá em cima pra ver as gárgulas de pertinho (me senti no filme do Corcunda de Notre Dame). IMG_2291Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo2A vista da cidade também é muito bonita de lá, mas infelizmente o tempo não nos ajudou!

Quando descemos já era quase hora do almoço e resolvemos comer um lanche por ali mesmo, do lado esquerdo da Catedral tem vários bistrôs e ali comemos um Croque Monsier e um Crepe au Nutella dois clássicos que valem a pena!Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo5

Resolvemos fazer tudo o que gostaríamos na Île de la Cité, então nosso próximo destino foi a Sainte-ChapelleEu nunca tinha dado muita importância para essa capela, mas uma amiga insistiu que eu deveria visitar e VALEU SU!!! Os vitrais são algo indescritível! Isso que o dia estava nublado e com uma garoa fina, fiquei imaginando a luz entrando pelos vitrais em um dia ensolarado! E o que foi melhor pra gente: estava incluso no Paris Museum Pass!Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo3

Saindo de lá e passamos pela Conciergerie, mas não entramos (falta de tempo no cronograma), mas só para conhecimento a Conciergerie e a Sainte-Chapelle são os resquícios de um antigo palácio com funções administrativas, passou por alguns incêndios, já foi prisão de ninguém mais, ninguém menos que Maria Antonieta. E de muitos outros que partiram dali diretamente para a guilhotina!Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo4

Dali passamos pela Place Dauphine e chegamos a Pont Neuf, que era a ponte onde ficavam os milhares e milhares de cadeados dos casais apaixonados. Que ficou tão pesado que tiveram que remover as grades com os cadeados e colocar logo ao lado – ainda dá pra tirar uma foto e tentar achar espaço pra um novo cadeado – mas não mais na ponte.

Îlé de la Cité completa, partimos para o Jardim de Luxemburgo, passando pela Fointaine Saint-Michel, mas passamos tanto frio, mas tanto frio que eu nem sei falar muito sobre o lugar! É bonito e vale a pena a visita, mas espero que você consiga ir num dia ensolarado, senão aceita aquele velho conselho e “leva uma blusa”! Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo6

De lá seguimos nossa caminhada até a Igreja de Saint Sulpice, bem mais simples que as que visitamos antes, mas bem grande e cheia de particularidades, como as torres que são diferentes uma da outra. (Entrada gratuita)

Ainda nessa mesma região fomos até o Panthéon, que resumidamente é um mausoléu de pessoas muito muito importantes! Mas não só isso. O prédio por si só já impressiona e o interior é muito bonito também, já na entrada tem um pêndulo de Foucault, que é uma experiência que comprova a rotação da terra.Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo7

Voltaire, Rousseau, Victor Hugo, René Descartes, Pierre e Marie Curie são alguns exemplos de franceses que foram homenageados sendo sepultados no Panthéon. O ingresso também está incluso no Paris Museum Pass, se não estivesse muito provavelmente eu não teria entrado. Mas já que não pagaríamos nada a mais por isso e que estávamos na região: valeu a pena!

O plano era ir caminhando pelo bairro Saint German até o Museu L’Orangerie (que pegamos fechado no dia anterior e eu fazia questão de ir), mas o frio nos venceu! Pegamos um ônibus até lá e fomos direto para o museu (ingresso também incluso no Paris Museum Pass). O nome do museu é sim por causa das laranjas (orange), antigamente elas eram estocadas naquele ambiente.

Mas porque eu queria tanto ir nesse museu? Monet era o motivo, o quadro Les Nymphéas está exposto lá e ocupa duas salas ovais. E foi uma das obras mais incríveis que eu vi durante toda a viagem! Fiquei simplesmente sem palavras!Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo8 IMG_2504

O museu conta com obras de outros grandes mestres, como Picasso, Renoir, Cézanne, Rousseau e Matisse. Eu não sou uma grande conhecedora de arte, mas quando você vê ao vivo entende porque são obras primas! Indico pra todos esse museu, ele é pequeno, mas tem uma coleção sensacional!

Finalmente, pegamos o metrô de volta para o apartamento!

Mas se você acha que nosso dia acabou está muito enganado! Banho e rua novamente! Afinal, já estávamos há mais de 24 horas em Paris e ainda não tínhamos visto ela – Torre Eiffel! Na verdade já tínhamos visto né, mas não de pertinho!Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo9Fomos a pé até lá (menos de 15 minutos do ap) e assim que chegamos ela começou a piscar todas as luzinhas! Foi bem emocionante! Mas pra você se programar isso acontece de hora em hora (hora cheia). Ficamos só na região de Champ de Mars, que é o jardim logo em frente da torre, porque chegamos por ali! E ainda voltaríamos outro dia pra subir na torre e conhecer o resto.

E por fim: COMIDA!

Jantamos em um bistrô pertinho do ap: Café la Place! Mas eu estava tão cansada e querendo ficar quentinha por dentro que fui de sopa de cebola (outro clássico francês que já fiz aqui no blog) e vinho! Enquanto a minha irmã pediu uma tábua com pães, queijos e embutidos!Dia 06 - Notre Dame + Jardins de Luxemburgo10

Vou confessar que esperava mais da sopa, mas estava bom! E estávamos tão cansadas que até a fome tinha passado. Levamos o que sobrou pra reforçar o almoço do dia seguinte e fomos pra casinha!

Quer acompanhar a viagem, então veja os posts anteriores:

Segue @chamaoscachorros no instagram pra não perder nada que acontece por aqui! E curte no facebook pra saber sempre quando tiver post novo!

Os viajantes viajam 3 vezes

Deixe seu comentário